oioioioi

Euro truck simulator 2

Americam Truck Simulator: um novo velho conhecido

Foi lançado ontem, o American Truck Simulator, após o envio para youtubers incluindo nós do EAA, com uma semana de antecedência. Talvez agora possamos fazer uma analise mais profunda do Jogo.

Um dos grandes questionamentos dos usuários era: “a mas o ATS, nada mais é do que um ets2 nos estados Unidos”, vamos por partes. Sim o ATS é baseado na engine do ETS2, e isso nos traz a impressão que o já vimos essa interface antes, apesar das mudanças o menu continua fácil de utilizar, tanto para iniciar um novo perfil, quanto para configurar controles e modos jogo, que são praticamente os mesmos do ETS, havendo apenas alterações nos logos que ficaram com uma ambientação mais próxima do mundo norte americano.

ats1

O ínicio.

Assim como no ETS 2 você começa fazendo cargas rápidas com os 2 fabricantes de caminhão disponíveis, mas isso é para mais pra frente. As cidades americanas são bem representadas, realmente lembrando o ambiente da Califórnia e do estado de Nevada, diferentemente do copia e cola do ets2, e sim isso é uma excelente evolução e que começou com o lançamento da DLC Scandinávia no ano passado. Agora existem estradas desertas e atalhos por onde você pode passar para facilitar a sua viagem e dar uma emoção a mais no jogo.

ats2

Talvez uma das principais diferenças venha na hora de estacionar o novo mecanismo de estacionamento ficou muito mais divertido e dinâmico e funciona conforme divulgado a algum tempo pela SCS, você chega a porta da empresa e seleciona a forma com que quer estacionar seu bruto:

-automática: o caminhão é estacionado automaticamente e você não ganha nenhuma xp.

-semi-automática: o caminhão é colocado em linha reta com a vaga, e basta você engatar a ré e não ser barbeiro o suficiente para não bater na parede para ganhar os 15 de xp.

-manual: você terá o trabalho de estacionar o bruto ganhando 35 xp adicionais.

O inicio do jogo realmente não empolga muito, por ser muito semelhante ao do ets2, uma carga rápida para aprender os comandos e ai começamos a ganhar dinheiro para iniciar a nossa jornada, mas dessa vez as coisas não são tão fáceis, os caminhões americanos são mais caros e você terá que fazer várias viagens para conseguir pagar seu caminhão através do empréstimo de 130 mil doletas iniciais.

ats3

Quem esta acostumado a jogar com cargas pequenas vai penar um pouco, as carretas são mais longas e vira e mexe você se verá em uma situação e ficar parado durante um tempo até ter tempo o suficiente para entrar em outras vias, mas nada como um novo desafio para animar um pouco as coisas.

ats4

O ponto fraco do jogo.

Apesar de ter as 2 principais marcas americanas, e os dois caminhões representados serem muito bons, faltam mais opções de marcas como Volvo, Mack, Catepillar entre outras do mercado americano, sabemos que em breve devem estar disponíveis só espero que não seja através de dlc’s pagas como será algumas partes da expansão do mapa, e que não é uma pratica só da SCS mas de diversas empresas de games.

Vale a pena?

Sim, o jogo é muito bom, não ficou mais pesado que o ETS2, os gráficos continuam excelente, e a jogabilidade melhorou muito inclusive com viaturas de policia rodando pelas rodovias e aplicando multas ¾. Conselho de amigo se você tem uma placa mais o menos, desative todas opção colocando os gráficos no mínimo e aumentando o dimensionamento para 400%, se rodar tudo beleza, aumente as opções gráficas até ficar com 30 de fps, garanto vale muito mais que colocar no Ultra, além do jogo ficar bem mais bonito te garanto que você não vai sentir falta de uma sombra mais realista ou um reflexo quando o gráfico está bonito. O jogo pode ser encontrado a 79,00 Dilmas na Steam e esse valor é inclusive mais barato do que o pago no lançamento do ETS 2 onde o valor era 99,00.

No mais boa diversão a todos.

Luiz Henrique Ferreira

AMERICAN TRUCK SIMULATOR – LANÇAMENTO DIA 03 DE FEVEREIRO!!

Descrição


Experimente lendários caminhões americanos e entregar várias cargas em toda a ensolarada Califórnia e Nevada de areia. American Truck Simulator leva você a uma viagem através das paisagens de tirar o fôlego e pontos de referência amplamente reconhecido em todo os Estados Unidos.
Mecânica de jogo são baseados no modelo de grande sucesso da Euro Truck Simulator 2 e foram ampliados com novos recursos, criando a experiência de jogo mais cativante pela SCS Software.American Truck Simulator coloca você no assento do motorista empregado para entrar no mercado de transporte de mercadorias local, fazendo com que você trabalhe o seu caminho até se tornar um proprietário-operador, e acabam por criar uma das maiores empresas de transporte nos Estados Unidos.
De volta aos EUA

Estamos orgulhosos de anunciar que estamos trazendo a melhor experiência para os grandes dos EUA, um país que nasceu para caminhões. A primeira versão do American Truck Simulator é apenas o começo, há uma longa jornada pela frente.

Situado na estrada juntos!

Pavel Sebor
Chief Executive Officer

História

Após a recepção bem sucedida do Euro Truck Simulator 2, decidimos expandir nosso universo do jogo através do Oceano Atlântico. O jogo foi anunciado pela primeira vez em setembro de 2013 em estágios iniciais de desenvolvimento.

 

Características

Conduzir modelos de caminhões altamente detalhadas oficialmente licenciados de fabricantes de caminhões icônicos.
Seu caminhão é o seu novo lar. Faça-lhe seu mudando cabines, chassis, paintjobs, acrescentando acessórios de ajuste ou motores mais potentes.
Lotes de diferentes cargas para escolher: A partir de alimentos para máquinas para cargas de perigo.
Vários tipos de reboque – de contentores frigoríficos para carretas, de dumpers para lowboys e goosenecks.
Os trailers mais longos (até 53 pés) vai desafiar suas habilidades e paciência durante o estacionamento.
Entregar suas cargas a uma rica variedade de empresas e locais como refinarias, armazenamento de petróleo, postos de gasolina, fábricas de automóveis, ou obras rodoviárias.
Várias definições de simulação para os entusiastas de caminhões: simulação de freio do ar; diferentes tipos de freios: retarder, freio Jake, freio do reboque; vários tipos de transmissões diretamente dos caminhões reais, intensidade de freio e muito mais.
Sinta-se como dentro de uma cabine real: Ajuste seu assento, espelhos e posicione sua cabeça para obter a melhor visão da estrada.
Dirigir com segurança, seguir as regras e os limites de velocidade – A polícia vai multá-lo se você não tiver cuidado!
Certifique-se de que você não está entregando cargas com excesso de peso – você pode ser verificado com as escalas de pesar.
Use o conselheiro rota como seu assistente pessoal durante as viagens.

Experimente a vida de um motorista de caminhão de aluguel. Ao entregar as cargas com segurança e melhorar suas habilidades, se tornar o dono de sua própria empresa, bem sucedida!
Construa a sua própria frota de caminhões, comprar garagens, contratar motoristas, gerir a sua empresa para o máximo de lucros.
Faça o seu tempo de caminhoneiro melhor, ouvindo suas músicas favoritas através do leitor de música ou streaming de suas estações de rádio favoritas.


Capture seus momentos favoritos com um modo de fotografia que oferece rico conjunto de opções de edição.
Grande apoio para volantes, gamepads e outros dispositivos de entrada.
Apoio longa data do jogo, incluindo novos recursos.

02 05 06 09

MB destaca ônibus de quatro eixos da Águia Branca

20160113_03bcd16494914f3cbaea69f352e3aa92_aguia-branca-1
Em dezembro de 2015, a Viação Águia Branca recebeu oito novas unidades do chassi Mercedes-Benz O 500 RSDD 8×2 de quatro eixos, equipado com motor de 408 cv e PBT de 27 toneladas. A carroceria é a Paradiso 1200 DD, fornecida pela Marcopolo, que conta com seis poltronas leito-cama com reclinação de 180 graus na parte inferior do veículo e 44 poltronas semileito no piso superior.

“A configuração de 4 eixos garante maior estabilidade e desempenho de viagem mais satisfatório, com uma operação segura e econômica, além da suspensão inteligente e confiável”, afirma Renan Chieppe, diretor geral da Divisão Passagens da Grupo Águia Branca. “Além disso, os veículos O 500 também se destacam por oferecer maior conforto aos nossos passageiros e por agradar aos motoristas pela sua tecnologia superior, especialmente o câmbio totalmente automatizado (PowerShift GO 240 de 8 marchas com retarder integrado), sem pedal de embreagem, o que amplia muito o conforto de dirigibilidade, além de reduzir o consumo de combustível e a emissão de poluentes”, completa.

A frota da Viação Águia Branca é composta por aproximadamente 800 ônibus, sendo 100% dos chassis da marca Mercedes-Benz. Dentre eles, 590 são ônibus rodoviários RSD 6×2.

Fonte: Transpo On Line

10 melhores trechos rodoviários

S3_15SP070E3552-010-696x522
egundo a Confederação Nacional do Transporte (CNT), por meio da Pesquisa CNT de Rodovias 2015, os trechos rodoviários que mais vezes apareceram entre os dez melhores na Pesquisa de Rodovias, desde 2005, estão no Sudeste do Brasil.

De acordo com os dados, nove são localizados inteiramente em São Paulo e um liga o estado paulista a Minas Gerais. Todas são rodovias concedidas e, nelas, 99% dos trechos avaliados pelo estudo da Confederação Nacional do Transporte foram considerados ótimos ou bons.

Três ligações viárias apareceram todos os anos no ranking das melhores, segundo aponta a Pesquisa: a que liga a cidade de São Paulo a Uberaba, em Minas, formada pelas rodovias BR-050, SP-330/BR-050; a que vai de Itaí a Espírito Santo do Turvo, em São Paulo, que conta com as rodovias SP-255 e SP-280/374; e o trecho entre a capital paulista e Limeira, no mesmo estado, formado pelas rodovias SP-310/BR-364 e SP-348. Essa última foi a melhor colocada no levantamento de 2015.

Confira abaixo o ranking dos 10 melhores trechos rodoviários dos últimos dez anos:
10-melhores-10-anos

Fonte: O Carreteiro

10 piores trechos rodoviários dos últimos dez anos são divulgados

P1_15PA010F2795-330-696x522
A Confederação Nacional do Transporte (CNT) divulgou a Pesquisa CNT de Rodovias 2015, da qual demonstra que há quase dez anos as ligações rodoviárias passam sem melhorias. Segundo dados, dez ligações rodoviárias, a maioria localizada no Norte e Nordeste do Brasil, apareceram cinco vezes ou mais entre os piores trechos do Brasil nos últimos dez anos.

A situação mais crítica é do trecho entre Belém do Pará a Guaraí, no Tocantins, que esteve oito vezes no ranking das piores ligações viárias, desde 2005. Ele é formado pelas seguintes rodovias: BR-222, PA-150, PA-151, PA-252, PA-287, PA-447, PA-475, PA-483 e TO-336.

Dessas ligações, 83% tiveram classificação Regular, Ruim ou Péssimo informou a pesquisa. Nesses trechos, o mau estado das vias aumenta em 40% o custo operacional do transporte. A estimativa é que seria necessário investir R$ 4,8 bilhões para recuperar esses trechos rodoviários.

Confira os 10 piores trechos rodoviários dos últimos dez anos da Pesquisa CNT de Rodovias:
10-piores-10-anos

Fonte: O Carreteiro

Ford é a marca que mais cresceu na indústria de caminhões em 2015

FordCargo816-Baú-696x464
Segundo dados do Renavam, a Ford foi a marca que mais cresceu em participação na indústria de caminhões em 2015, fechando o ano com 18% das vendas, um ganho de 3,7 pontos percentuais comparado a 2014. O avanço da marca, pelo segundo ano consecutivo, registrou um total de 12.923 emplacamentos e, entre outros destaques, consolidou sua liderança no segmento de caminhões leves e também foi a mais vendida no de semileves.

“Apesar da queda expressiva nos volumes totais da indústria de caminhões, que chegou a 47,6%, a Ford foi menos afetada, principalmente pela chegada dos modelos da nova Série F, muito bem aceitos no mercado. No nosso caso a redução de volume foi de 34,1%, garantindo esse ganho importante de participação”, informa Antonio Baltar, gerente de Vendas e Marketing da Ford Caminhões.

De acordo com a marca, a Ford continuou a liderar o segmento de leves, o maior da indústria, com as linhas Cargo e Série F. As 6.674 unidades emplacadas corresponderam a uma participação de 31,4%, com a oferta dos modelos Cargo 816, Cargo 1119 e F-4000, este último incluindo a versão 4×4. Em 2014, a sua participação foi de 27%.
FordF-350-7b
A Ford foi líder também dos caminhões semileves – de 3,5 a 6 toneladas de PBT –, aumentando a sua participação de 14,8% para 42% com o F-350. O modelo, usado em aplicações comoentregas fracionadas, serviços de manutenção e distribuição comercial de atacado e varejo, é reconhecido pela resistência e versatilidade.

Outro destaque da empresa foi no segmento de caminhões médios 6×4, usados em aplicações como construção civil e mineração, no qual sua participação cresceu de 14,2% para 18,8%.

Fonte: Portal O Carreteiro

DOWNLOAD EAA BUS V1.8

Mapa EAA BUS– Explorando a América BUS Versão 1.8

Para o Jogo Euro Truck Simulator 2 versão 1.22 (32bits ou 64bits).

Continue Lendo

DOWNLOAD EAA NORMAL V3.0

Mapa EAA – Explorando a América Versão 3.0

Versão 3.0 para o Jogo Euro Truck Simulator 2 versão 1.22 (32bits ou 64bits).

Este mod adiciona parte do mapa brasileiro ao mapa original do ETS2.

Continue Lendo

DOWNLOAD EAA BUS V1.7

Mapa EAA BUS– Explorando a América BUS Versão 1.7

Para o Jogo Euro Truck Simulator 2 versão 1.22 (32bits ou 64bits).

Continue Lendo

Má qualidade das rodovias pesa no bolso

Pesquisa aponta que nas vias onde o pavimento é considerado péssimo, o custo do transporte pode aumentar mais de 90%
estrada-buraco-2-696x464
Dados divulgados pela Agência CNT (Confederação Nacional do Transporte), retirados da Pesquisa CNT de Rodovias 2015, apontam que nas rodovias onde o pavimento é classificado em péssimo estado, o custo do transporte chega a aumentar até 91,5%. Em rodovias apontadas como ruins, o aumento é de 65,6% e em regulares, 41,0%. Já nas vias com pavimento classificado como bom, o incremento foi calculado em 18,8%. Quando o pavimento é considerado ótimo, não há aumento do custo operacional.
Continue Lendo

« Posts mais antigos

© 2016 Amo Caminhões

Tema desenvolvido por Anders Noren e editado por Victor Rodrigues.Pra cima ↑